2 de fevereiro de 2013

O Hipnotista - Lars Kepler

Eu adoro thrillers, livros de Erica Spindler, Mary Higgins Clark e afins são meus favoritos.
Agora conheci Lars Kepler (que na verdade é um pseudônimo sob o qual escreve o casal sueco Alexander e Alexandra Ahndoril).
O livro O Hipnotista (Hypnotisören) é um desses thrillers cheio de reviravoltas e um emaranhado de histórias diferentes que vão se entrelaçando até formar um fechamento explosivo.

Uma família é brutalmente assassinada, o único sobrevivente do massacre, um garoto, está inconsciente e não pode ajudar a polícia. Descobre-se que ainda há uma garota da família viva, em sério perigo; a urgência de tomar o depoimento do garoto leva a polícia (através do investigador Joona Lima) a procurar Erik Maria Bark, um conhecido médico especialista em hipnose, mas que há dez anos prometeu nunca mais utilizar o método.

Muito bom!
Indico o livro para os amantes de romance policial. Muitas páginas que você vai virando, ou melhor dizendo, devorando, enquanto mergulha nas histórias de Erik, na tentativa de solucionar o caso da família Ek - e outros que vão surgindo.

Sim, já existe a adaptação para os cinemas. Infelizmente o filme não funciona como adaptação, à medida que muda toda a história (de verdade!). Um roteiro feito 'nas coxas' com conexões fracas, e que ignora muitas passagens e personagens secundários.

Olhando o filme isoladamente, também não funciona, muito superficial. Ainda espero, embora seja difícil, uma outra adaptação, porque a trama merece!
Ruim!

Acho que já ficou claro que o filme não merece atenção.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails